Asics Mind Games – Pode o exercício ser a chave para aumentar o poder do cérebro?

Autor: Correr Por Prazer  /   Janeiro 20, 2023  /   Publicado em noticias
Tags: asics, asics mind games

Asics Mind GamesNum estudo global inovador, jogadores inativos que aumentaram os níveis de exercício viram as suas funções cognitivas, bem-estar e desempenho de jogo melhorarem drasticamente.

A ASICS revela que o exercício pode melhorar significativamente a função cognitiva e o desempenho mental.

Desde o aumento da memória a curto prazo ao aumento dos níveis de concentração, o exercício aumenta o poder do cérebro e pode ser a solução para nos ajudar a passar nos exames ou a destacarmo-nos no trabalho.

Numa experiência única, a ASICS convidou jogadores de competição de todo o mundo, especializados em jogos da mente como o Xadrez e Esports e jogos que dependem da sua função congnitiva, para iniciar um programa de exercícios. Após quatro meses de exercício regular, as suas mentes melhoraram significativamente e apresentaram-se num nível de competição ainda mais elevado.

As classificações internacionais de jogos dos participantes melhoraram a uma percentagem incrível de 75%, provando, mais uma vez, a estreita interação entre a nossa mente e o nosso corpo. A função cognitiva dos jogadores de jogos mentais aumentou em média 10%, onde as capacidades para resolução de problemas teve um aumento de 9%, a memória a curto prazo com um aumento de 12% e a velocidade de processamento e alerta teve um aumento de 10%. Os níveis de confiança do grupo aumentaram 44%, a concentração melhorou 33% e os níveis de ansiedade reduziram até 43%. A investigação indica que o exercício pode ser tão eficaz na melhoria da função da mente como aprender uma segunda língua, ler diariamente, tocar um novo instrumento musical ou completar um puzzle todos os dias.

O Professor Brendon Stubbs, um investigador reconhecido no movimento e na mente, desenvolveu e conduziu a experiência. Cada jogador seguiu um programa de treino criado pelo corredor que se tornou num treinador internacional, Andrew Kastor. O programa incluía cardio de impacto médio e treino de força, e aumentou os níveis de exercício dos jogadores para 150 minutos por semana. O Professor Stubbs avaliou a melhoria mental dos participantes com base no seu desempenho nos jogos da mente, testes cognitivos e questionários de bem-estar ao longo do período de investigação de quatro meses.

Sobre os resultados, o Professor Brendon Stubbs refere: “Todos sabemos que o exercício é bom para a nossa saúde mental e física, mas o impacto no funcionamento cognitivo tem sido menos explorado. Queríamos analisar os efeitos do exercício em pessoas que dependiam das suas capacidades cognitivas – jogadores de jogos da mente competitivos. Os nossos resultados apresentam melhorias significativas nas suas funções cognitivas, incluindo níveis de concentração e capacidades de resolução de problemas.”

“O exercício estimula o crescimento celular no cérebro e aumenta rapidamente o fluxo sanguíneo para o hipocampo e córtex pré-frontal, mecanismos que nos permitem reter melhor as memórias, processar informações e resolver problemas rapidamente. Se o exercício pode aumentar significativamente o desempenho mental dos jogadores profissionais da mente, imagine o que pode fazer para o resto das pessoas. Desde aumentar a concentração quando se revê a matéria para um exame ou melhorar o estado de alerta antes de uma apresentação de trabalho, o exercício pode realmente aumentar o poder do cérebro.”

Além de mostrar que o exercício pode melhorar as funções cognitivas dos participantes e as capacidades de jogo, o Professor Stubbs também descobriu que o bem-estar mental dos jogadores pode aumentar significativamente, com uma média das pontuações do Estado de Espírito aumentando para 31%.ii  A média de pontuação do estado de espírito dos jogadores no início do estudo estava abaixo dos 58 e no final do estudo estava acima dos 76iii, demonstrando o impacto significativo que o exercício pode ter também no nosso bem-estar mental.

O principal treinador do estudo, Andrew Kastor, que desenvolveu os programas de treino dos jogadores, afirmou: “Estes resultados são surpreendentes e falam sobre o poder do exercício. A maioria dos jogadores não conseguia correr mais de um minuto no início do estudo, pelo que os seus programas de treino tiveram de ser moderados. 150 minutos numa semana parece muito, mas quando separados podem ser 5 séries de 30 minutos. Não importa o nível de condicionamento físico, os benefícios mentais do exercício são acessíveis a todos.” 

Inspirada pela experiência, uma equipa de filmagens acompanhou quatro jogadores competitivos enquanto faziam o seu exercício regular para melhorar as suas classificações no cenário internacional. O resultado foi um novo documentário inovador “Mind Games – The Experiment”, narrado pelo autor internacionalmente aclamado e ativista da saúde mental, Stephen Fry. Disponível agora em stream no Prime Video, a longa-metragem documenta o percurso dos quatro jogadores – Kassa Korley, Ryoei Hirano, Ben Pridmore e Sherry Nhan – especializados em Xadrez, Mahjong, Memória e Esports, enquanto competem em torneios profissionais pelo mundo. Pode assistir ao trailer do documentário aqui.

Gary Raucher, EVP, da ASICS EMEA refere: “A nossa filosofia fundadora é literalmente o nosso nome, Anima Sana In Corpore Sano ou a Mente Sã num Corpo São. Incentivamos sempre a utilização do exercício para benefícios mentais e físicos, mas esta é a primeira vez que explorámos o verdadeiro impacto no funcionamento cognitivo. Mind Games – The Experiment demonstra o poder do exercício para aprimorar a mente e esperamos que após verem o documentário, todas as pessoas (independentemente da idade, tipo de corpo ou nível de capacidade física) se inspirem e se movam para ajudar a impulsionar o cérebro.”

Mind Games – The Experiment está disponível em stream no Prime Video a partir de 19 de Janeiro de 2023.

O estudo da ASICS decorreu de Maio a Setembro de 2022, com um total de 77 jogadores de 20 países a completar a experiência. Todos passaram nos questionários de triagem de saúde e preencheram os formulários de consentimento antes de participarem.

Leia também ...  CorrerPorPrazer.Com e ASICS Portugal estabelecem parceria
Provas de Trail

Comentários encerrados.

X